domingo, 23 de agosto de 2009

Veronika Decide Morrer (Veronika Decides to Die)


Veronika Decide Morrer (Veronika Decides to Die)
EUA/ 103min
Direção: Emily Young
Roteiro: Roberta Hanley
Elenco: Sarah Michelle Gellar, Jonathan Tucker, Erika Christensen, Florencia Lozano

Paulo Coelho, o escritor brasileiro mais conhecido no mundo já vendeu mais de 100 milhões de cópias ao redor do planeta e suas obras já foram traduzidas para 67 idiomas para 160 países diferentes. Mas aqui no Brasil ainda desperta muita contradição.
Muita gente idolatra o escritor, outros o desprezam pelo seu quê de auto-ajuda. Eu, para falar a verdade, já me aventurei lendo cerca de cinco livros dele e sinceramente não sou fã e a tal auto ajuda não me agrada nem um pouco. Mas devo confessar que desses cinco livros lidos Veronika Decide Morrer é o único de que realmente gostei.
Cheguei a ler duas vezes.
O longa conta a história de Veronika (Sarah Michelle Gellar), uma mulher jovem que tem uma vida invejável. Um emprego que rende 75 mil dólares anuais, um corpo perfeito, um rosto belíssimo e pais dedicados. Mas apesar dessa fachada ela não está feliz. Diante de sua infelicidade e incapacidade de modificar esse quadro ela decide cometer suicídio, entretanto a sua tentativa não dá certo e ela vai parar em uma instituição psiquiátrica onde descobre que a tentativa danificou irreparavelmente o seu coração que pode parar a qualquer momento. É nessa instituição que ela deve passar os seus últimos dias, mas é em contato com os ditos loucos que Veronika terá a oportunidade de repensar a vida.
O filme é construído de uma maneira muito bonita. A trilha sonora é linda, as imagens são encantadoras, a diretora Emily Young abusa de detalhes, câmera na mão e perspectiva fora de foco para tornar tudo mais pessoal e intimista e o filme se passa de maneira fluida e contemplativa. Tudo isso me lembrou muito a maneira de Isabel Coixet (Minha Vida sem Mim, O Silêncio das Palavras) filmar, mas aqui não há todo o sentimento que costuma haver nas obras de Coixet. Não sei se por ter lido o livro, mas apesar de ter gostado de como a adaptação foi realizada e de gostar de como o filme nos é apresentado, senti falta de um pouco mais de emoção. No entanto isso não prejudica o todo. Veronika Decide Morrer continua um filme interessante e bem realizado. Além disso, Sarah Michelle Gellar deixa para trás o estigma de Buffy- a caça vampiros para apresentar um personagem maduro e mais sério.



Agora? Marisa Monte.
Terminei a segunda temporada de Will and Grace. Adoro! Principalmente Karen Walker, mas me contive e não comprei a terceira temporada. Dívida mandou lembrança e resolvi me conter. Também fui forte e não comprei o livro Engolido pelas labaredas. Resolvi começar Misto-quente (emprestado-ooo!), mas até agora só cheguei até a página 21. Comento ainda essa semana.

2 comentários:

Berenice disse...

eita! nem li o livro ainda. :P

♥ Boneca de trapu ♥ disse...

Realmente adoravel esse livro!!
não vejo a hora desse filme lançar o filme no Brasil..

bju