segunda-feira, 9 de maio de 2011

Bukowski num dia de chuva


De volta à Crônica de um amor louco (Bukowski):

"Emborquei o copo de uma vez só. choque, choque, meu deus, meu deus, as fábricas. os dias perdidos, os dias sem sentido, os dias de chefes e burros, e o relógio, feito lesma, brutal." (Pág. 124)

"- Perder minhas duas fontes de renda foi a melhor coisa que já me aconteceu.
- É mesmo?
- Agora me deu vontade de lutar novamente. Você já ouviu falar nesse pessoal que anda apodrecendo aí pela praia. Pois foi só o que fiz até hoje: apodrecer. Tenho que cair fora daqui. E não estou preocupado." (Pág. 118)

Agora? Emiliana Torrini.

Um comentário:

SPLASH CAKE disse...

Oi, estou dando uma passadinha no seu lindo blog. Gostaria de dar uma visitinha no meu? :)

http://splashcake.blogspot.com