domingo, 29 de novembro de 2009

A Fantástica Fábrica de Chocolate (Roald Dahl)


Embora ame o filme A Fantástica Fábrica de Cocolates (o de 1971 e não o de Tim Burton) e tenha adorado a animação James e o Pêssego Gigante (já comentada por aqui), ambos baseados em obras de Roald Dahl, eu nunca havia lido nada de sua vasta obra literária.
Resolvi mudar essa situação e começar pelo livro que originou um dos filmes da minha vida: A Fantástica Fábrica de Chocolate, escrito em 1964. Maravilhoso! Mal posso esperar para colocar minhas mãos em mais e mais livros do autor.
A história é a velha conhecida: Charlie, um garotinho simples e pobre, ama chocolates e, em especial, a fábrica Wonka que fica próxima à sua casa, mas sua situação financeira só permite que ele coma uma barra por ano no dia do seu aniversário. Ele, o pai, a mãe e os quatro avós moram em uma casinha minúscula e mal têm o que comer.
Depois de anos sem se mostrar publicamente, Willie Wonka, dono da fábrica Wonka, promove um concurso: cinco cupons dourados estão escondidos em chocolates que podem estar em qualquer parte do mundo! As cinco crianças que encontrarem esses cupons terão o privilégio de conhecer a fantástica fábrica.
É nesse contexto que Roald Dahl cria uma fábula belíssima com muito humor, moral e criatividade. Através das 159 páginas o leitor aprende sobre bons modos, sonhos, força de vontade e bondade de maneira leve e encantadora com direito a ironia e sarcasmo. Os personagens são fascinantes e a obra, embora infantil, carrega um quê de denso, de dark. Indico!

Para os interessados, o site oficial do escritor (www.roalddahl.com) tem muita coisa boa: bibliografia, jogos, entrevista, biografia e novidades sobre as obras e suas adaptações. Fica a dica!

Da edição que tenho em mãos:

* Roald Dahl nasceu no País de Gales, filho de pais noroegueses. Passou a infância na Inglaterra e, aos 18 anos, foi para a África como empregado da companhia de petróleo Shell. Participou da Segunda Guerra Mundial como piloto da Real Força Aérea da Inglaterra. Começou a escrever quando era adido da embaixada inglesa em Washington. Seus livros para adultos e crianças são hoje traduzidos e apreciados no mundo todo.

Vale ressaltar também que as ilustrações dessa edição são assinadas pela paulista Cláudia Stacamacchia.

Agora? Dave Mathews Band.

4 comentários:

HSLO disse...

Adorooooo.



te desejo um ótimo final de semana.


abraços


Hugo

Tathy disse...

Fiquei mais curiosa ainda para ler algo desse autor!
Estou fazendo uma promoção no meu blog, seria legal se você participasse! bjs

Paulinha disse...

Olá Natalie,
Também adoro os livros de Roald Dahl! Você sabia que a história da Fábrica de Chocolate continua em "Charlie e o Grande Elevador de Vidro"?Ele conta quando Charlie, sua família e Wonka sobem tanto no elevador que este acaba entrando em órbita!Lá, encontram espaçonaves, hotéis espaciais... Uma tremenda confusão!
Outro livro deste mesmo autor que gostei muito é "As Bruxas"! Muito divertido, eu hiper-recomendo!!!!
Paulinha


http://paulinha.akkari.zip.net

Natali Assunção disse...

Paulinha, obrigada pela dica. Sabia sim da continuação, mas ainda não pude lê-la. Pretendo corrigir isso em breve. Vou ver se consigo mais coisas dele.