sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Os Normais 2 - A Noite Mais Maluca de Todas


Os Normais 2 - A Noite Mais Maluca de Todas
Brasil/ 2009/ 75 min
Direção: José Alvagenga Júnior
Roteiro: Alexandre Machado, Fernanda Young
Elenco: Luiz Fernando Guimarães, Fernanda Torres, Drica Moraes, Danielle Winits, Claudia Raia, Alinne Moraes e Daniele Suzuki.

Então agora que já não tem nem mais graça resolvi assistir a Os Normais 2 – A Noite mais maluca de todas. Fato é que não estava nem um pouco interessada, mas acabei indo conferir. Pois bem.

No segundo longa da série Rui (Luiz Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres) estão tendo uma crise no relacionamento. Depois de 13 anos de namoro e noivado as coisas já não estão tão interessantes e o sexo precisa ser apimentado. Para isso, Vani topa fazer o que nunca havia pensado em aceitar: um ménage-à-trois. É a partir daí que o casal vai se meter nas mais diversas confusões tentando realizar o tal ménage e, de quebra, salvar o relacionamento.

Os personagens já são conhecidos de longa data do público brasileiro através da série de TV e do primeiro filme, portanto o sucesso já era garantido e talvez tenha sido esse o motivo para tanta falta de cuidado. O enredo simples é rodeado pelo amontoado de piadas que constitue o filme. Algumas interessantes e outras, bem, nem tanto. Além disso a produção em si deixa a desejar quando, por exemplo, algumas cenas realizadas na praia utilizam os protagonistas em Chroma Key de maneira gritante e bem grosseira, sem o trabalho de deixar a cena ou a locação mais verdadeira. Outro ponto gritante é o áudio que, além de apresentar uma cena fora de sincronia, a intensidade de alguns sons não correspondem ao som real. Detalhes técnicos que fariam a diferença de um filme mais bem cuidado.

Em compensação a química entre Fernada Torres e Luiz Fernando Guimarães continua a mesma, maravilhosa. Portanto o timing e a interação entre eles não deixa nada a desejar. Além disso as participações de atores como Drica Moraes e Claudia Raia vêm a somar no “jogo” entre os atores.

E esse é o motivo para que o filme funcione de alguma forma e consiga despertar o interesse e a simpatia do público, embora a sensação que fique ao término da projeção é que o longa poderia ser um capítulo esticado da série. Problema comum em adaptações de séries televisivas para o cinema. Problema, mas ao mesmo tempo solução, já que esse é o mesmo motivo que deve agradar os fãs da série.

3 comentários:

Batom e poesias disse...

Se você diz, eu vou conferir.
Passando para desejar um ótimo fim de semana.
bjs
Rossana

Nathy disse...

Quer assistir!!!

JÚLIA disse...

Parece ser bem lagal